Ombudsman em jornal-laboratório: aprendizado crítico

by

As pessoas estão sempre dando “jeitinhos” para facilitar, resumir, embelezar ou agilizar a realização de seus deveres, o que faz com que a fiscalização sobre o trabalho destas seja indispensável, principalmente quando se trata de deveres relacionados à informação pública.

A constante vigilância – e aqui não se confunda vigilância com censura – sobre o conteúdo das publicações midiáticas, implantadas em alguns veículos de comunicação, sob a figura do Ombudsman, é uma eficaz alternativa para deixar o jornalista em alerta, para impeli-lo à realização de trabalhos mais imparciais, verossímeis e menos omissos.

A implantação, pela Faculdade de Comunicação (FAC) da Universidade de Brasília (UnB), do Ombudsman no jornal-laboratório, conforme relata o texto “Longo caminho” de Fernando Paulino, é um exemplo a ser copiado por outros cursos de jornalismo, pois é importante que ainda no processo de aprendizagem, o aluno esteja ciente que está sendo acompanhado, diariamente, tanto por pessoas leigas, quanto por especialistas nos assuntos que aborda além, é claro, dos editores, do concorrente, dos colegas de profissão, das assessorias de imprensa e, principalmente, dos leitores.

Sabemos, infelizmente, que há um grande número de estudantes de jornalismo que têm sites como a wikipedia, sendo sua principal (quando não única) fonte de informação; que cada vez mais, professores se deparam com trabalhos plagiados, com matérias “cozidas” – diz-se quando se produz uma matéria a partir de fragmentos de diversas outras já existentes) e com divulgação de dados desatualizados cujas fontes são omitidas.

Observações como essas merecem ganhar espaço nos jornais-laboratórios para que, através dessa exposição crítica, os mesmos “jeitinhos” não sejam usados pelos demais futuros jornalistas.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: